4 de jan de 2005

Berinjela com limão pra emagrecer

Hoje só estou pegando besteiras. entrei no orkut pra ver o que o pessoal das comunidades sobre dieta tinham a dizer. Encontrei essa pérola:



"Berinjela com limão. Vcs já testaram? 10/27/2004 5:26 AM

Ei pessoal, Sou de BH e teve um dia que veio um médico aqui na minha empresa dar uma palestra sobre fitoterapia. Ele é de um hospital de Curitiba que utiliza apenas de verduras, frutas e legumes para cura de todas as enfermidades. Depois da palestra foi aberta uma hora para perguntas e rolou (claro) a pergunta: dá uma receitinha para emagrecer. O cara ensinou da berinjela com limão, e funciona mesmo, eu perdi 5 quilos.

É assim: Pega uma berinjela com casca e tudo, lava e pica. bate no liquidificador com um pouco de água (o mínimo só para dar pra bater). Coa e mistura o suco de um limão. Tomar pela manhã em jejum e esperar meia hora antes de tomar café da manhã. E é excelente para o colesterol tb. Façam e comentem!"



Teve alguns depoimentos favoráveis à receita, alguns inclusive citando queda na taxa de colesterol e perda significativa de peso.



O negócio da berinjela com limão deve funcionar pelo seguinte motivo: a berinjela é fibrosa e o limão é ácido. Isso tira o apetite de qualquer um. Se você toma isso de manhã antes do café, você vai se sentir satisfeita, de barriga cheia, e vai comer menos nesta refeição.

O problema é que tomar suco de limão de barriga vazia provoca forte acidez no estômago e, mesmo junto com a berinjela, não é recomendável praqueles que tenham problema com acidez estomacal ou úlceras.

Fora isso, parece uma boa dica.

Dieta da USP

Eu fazia uma dieta parecida quando estava estudando e não tinha grana prá comprar comida (a diferença é que não tinha presunto, o café era com leite e os ovos eram só pra compensar a falta de carne). Já aviso que essa dieta, além de difícil de ser seguida, é deficiente em nutrientes e você corre o risco de passar mal se seguir ela durante muito tempo.



Primeiro Dia

Manhã : Café preto sem açúcar , com adoçante .

Almoço: 2 ovos cozidos e ervas a desejar .

Jantar : salada de alface com pepino e salsão à vontade .



Segundo Dia

Manhã : Café com bolacha cream-crakers

Almoço: 1 bife grande com salada de frutas à gosto .

Jantar : Presunto à vontade .



Terceiro Dia

Manhã : Café com biscoito cream-crakers .

Almoço: 2 ovos cozidos , salada de vagem e 2 torradas .

Jantar : presunto e salada .



Quarto Dia

Manhã : Café com biscoito .

Almoço: 1 ovo cozido , 1 cenoura e queijo minas à vontade .

Jantar : Salada de frutas e iogurte natural .



Quinto Dia

Manhã : Cenoura crua espremida com limão e café preto .

Almoço: Frango grelhado à vontade .

Jantar : 2 ovos cozidos com cenoura .



Sexto Dia

Manhã : Café com biscoito .

Almoço: Filé de peixe com tomate à vontade .

Jantar : 2 ovos cozidos com cenoura .



Sétimo Dia

Manhã : Café com limão .

Almoço: Bife grelhado e frutas à vontade .

Jantar : Comer o que quiser , menos doce e bebidas alcoólicas .



Observação:

1 - Depois de completa esta série , comece novamente desde o primeiro dia ao sétimo dia. Depois de 14 dias você terá perdido 14 Kg. No 15o dia você poderá retornar a seus hábitos alimentares normais .

2 - Ervas permitidas : agrião , chicória , alface. Pode beber água , café e chá o dia inteiro .

3 - Não deve trocar os alimentos e nem substituí-los de horário .

Dieta das Fibras

O que promete?

menos 6 quilos em 1 mês com 1.500 calorias



Vamos começar por esta, com maior nível calórico, para que o seu organismo, que não estava acostumado com restrição de alimentos, não sinta muita diferença. Neste cardápio, foram privilegiados cereais, frutas com casca e bagaço, verduras e legumes crus, além dos integrais (pães, arroz). Todos estes alimentos são ricos em fibras e por isso estimulam o funcionamento do intestino, que tem uma participação importante no processo de perda de peso. Vale lembrar: tomar líquidos é sempre recomendável, mas nesta dieta é fundamental, porque eles complementam a ação das fibras (se você não tomar bastante aágua, as fibras ficam secas e prejudicam em vez de ajudarem). Procure tomar no mínimo 2 litros água, que não engorda nadinha.



A Dieta:



1º Dia

café da manhã:

1 xíc. leite desn. c/ café

1 fatia pão integral

1 col. (chá) margarina light



lanche:

1 mexerica



almoço:

salada de rúcula à vontade

3 col. (sopa) arroz integral

1 col. (sopa) feijão

1 espetinho misto (frango/carne de vaca/cebola/pimentão)

4 col. (sopa) abobrinha sauté

1 fatia abacaxi



lanche:

1 taça de salada frutas

2 col. (sopa) de granola



jantar:

salada de repolho c/ maçã à vontade

4 col. (sopa) mandioquinha sauté

1 concha de iscas de carne acebolada

4 col. (sopa) de almeirão refogado

10 uvas c/ casca



ceia:

1 copinho de gelatina dietética c/ frutas picadas





2º Dia

café da manhã:


1 copo iogurte desnatado

3 col. (sopa) de cereal All Bran

1 fatia mamão



lanche:

1 laranja



almoço:

salada de cenoura c/ passas à vontade

4 batatas peq. coradas

1 filé pescada grelhado c/ alcaparras

4 col. (sopa) de espinafre refogado

1 caqui c/ casca



lanche:

1 banana média

2 col. (sopa) de cereal Oatmeal Aveia e Mel



jantar:

salada de escarola c/ tomate

6 col. (sopa) de milho refogado

1 coxa de frango ensopada c/ cogumelos

4 col. (sopa) de vagem sauté

2 ameixas frescas c/ casca



ceia:

chá de camomila à vontade o 1 unidade do biscoito Trigui



3º Dia

café da manhã:


chá de flores de frutas à vontade

1 fatia de pão de centeio

2 col. (sopa) de queijo cottage

1 fatia mamão



lanche:

1 pêra c/ casca



almoço:

salada de erva-doce e salsão à vontade

1 concha de espaguete c/ manjericão, tomate-cereja e ricota

1 fatia de ricota moída

3 almondêgas assadas de peru

10 morangos



lanche:

1 barra de cereal



jantar:

salada de espinafre cru

4 col. (sopa) de beterraba c/ hortelã

3 col. (sopa) de arroz

1 col. (sopa) de lentilha

1 porção de kibe assado

1 figo c/ casca



ceia:

1 kiwi pequeno

Como Evitar a Recuperação do Peso Perdido?

A maior parte das pessoas que conseguem emagrecer acabam recuperando tudo que perderam. Em alguns casos, engordam mais do perderam com o tratamento. Para evitar que isto aconteça, é muito importante que se planeje desde o início do tratamento uma estratégia para manutenção do peso.

Ela deve basear-se principalmente em mudança de hábitos alimentares, desenvolvimento de novos hábitos de atividade física e, quando necessário, no uso de remédios.Hábitos alimentares:De nada adianta seguir-se uma dieta durante algum tempo, perder peso e depois voltar aos erros alimentares antigos. Com certeza o resultado do emagrecimento será perdido e o problema do peso será cada vez mais difícil de combater.

O tratamento bem sucedido a longo prazo baseia-se em mudanças permanentes dos hábitos alimentares. Nos fascículos 3 e 4 veremos o que se deve fazer para desenvolver-se um hábito alimentar saudável.Atividade física: O excesso de peso está intimamente relacionado com o sedentarismo. O desenvolvimento de novos hábitos de vida, com uma ênfase maior na prática de atividades físicas, é um passo fundamental para a manutenção de um peso saudável.

E não se trata apenas de fazer exercícios. A atividade física informal também conta. Cuidar do jardim, passear com o cachorro, caminhar até o trabalho, tudo isso conta no combate ao sedentarismo e certamente ajudará na manutenção de um peso saudável.Remédios:Antigamente eram chamados de “remédios para emagrecer”. Hoje ganharam o nome pomposo de “agentes anti-obesidade”. Mas uma importante mudança estratégica está por trás deste novo nome. Hoje eles também são usados para ajudar na manutenção.

Na prática, o que costumava acontecer – e freqüentemente ainda vemos este erro – era a pessoa interromper o uso do remédio assim que atingia seu objetivo de peso. Geralmente o peso é recuperado, porque o uso do medicamento foi interrompido justamente na fase em que o organismo está com vários mecanismos de recuperação de peso ativados. Outro engano freqüente é parar de tomar o remédio só porque a fase de emagrecimento terminou. É o chamado platô, quando, depois de perder algum peso, a pessoa vê seu peso estabilizar-se apesar de todos os esforços para emagrecer mais. Deve-se considerar nestes casos a possibilidade de que o medicamento esteja sendo útil na manutenção do novo peso, apesar de não se estar conseguindo nenhum emagrecimento adicional. É comum a interrupção do remédio, nestas circunstâncias, fazer a pessoa recuperar peso.



Texto retirado do site: emagrecimento.com