26 de dez de 2004

Plano anticelulite

Você pediu e nós atendemos: está de volta a dieta que fez um sucesso e tanto. Finalmente chegou a hora de exterminar a inimiga número 1 das mulheres
Todo mundo sabe que a saúde, a beleza e o bem-estar dependem do que colocamos no prato. Com base em estudos sobre a função dos alimentos, a nutróloga e especialista em medicina estética e obesidade Maria José Basile, de São Paulo (SP), montou e testou em pacientes um cardápio que, segundo ela, reduz significativamente a celulite em qualquer estágio, até mesmo nos graus 2 e 3, quando há uma grande quantidade de furos e nódulos.O princípio da dieta hiperprotéica é promover uma limpeza do organismo, já que o acúmulo de toxinas é um dos grandes responsáveis pela celulite. Para isso, as gorduras ficam de fora — elas incham ainda mais as células adiposas, dificultando a circulação local e a oxigenação celular — e a quantidade de carboidratos é reduzida para evitar que virem depósitos de gordura. Essa categoria alimentar sofre um corte pela seguinte razão: pães, cereais e massas são o principal combustível do corpo. Sem eles, o organismo começa a atacar as reservas, ou seja, eliminar gordura, segundo Maria José. Porém, na falta desse tipo de alimento, os músculos são usados para gerar energia, o que significa perda de massa magra. Por isso, a dieta só é recomendada por 15 dias. Do contrário, pode comprometer a saúde. Mas não é pouco tempo para ver resultados? Maria José garante que não. “É suficiente para o organismo desintoxicar e perder o hábito da ingestão excessiva de certos alimentos que acumulam toxinas.”
E o que é permitido nesse programa alimentar, que enxuga até 1 quilo por semana? Carnes magras, verduras, legumes, frutas e alguns cereais e laticínios. “As proteínas, representadas pelas carnes, são importantes para manter os músculos firmes após a perda de peso. As verduras, os legumes e as frutas saciam e ajudam a eliminar toxinas e líquidos, já que são fibrosos”, diz Maria José. Um alerta: quem malha intensamente deve fazer algumas alterações no menu para garantir energia (veja o cardápio). Após esse período de duas semanas, o programa reintroduz pouco a pouco alguns ingredientes até atingir 55% de carboidratos (frutas, verduras e legumes, arroz, pão e macarrão integrais, aveia e granola), 25% de proteínas (carnes magras, leite e derivados, de preferência, desnatados ou light) e 20% de gorduras (presentes nas proteínas e embutido no preparo dos pratos, como margarina e azeite).Nessa fase de manutenção, que deve ser feita por seis meses, outros cuidados também são importantes. O ideal é adotar uma atividade física diária e controlar a ingestão de doces e frituras. Pode comer uma barra (30 g) de chocolate duas vezes por semana e um prato mais gorduroso uma vez.

Texto coletado do site da revista Boa Forma

Menu anti-celulite

-A dieta tem de 900 a 1000 calorias e pode ser seguida pelas sedentárias e por quem faz atividade física moderada (30 minutos de exercício aeróbico, 15 minutos de alongamento e 15 minutos de musculação diariamente). Os carboidratos são incluídos a partir da terceira semana. Lembre-se de beber 2 litros de água por dia.
- Quem malha mais que isso, principalmente se der preferência ao trabalho aeróbico (fazendo todo dia uma hora de atividade), deve incluir carboidratos desde o início. Isso significa até 4 barrinhas de cereal light ou 4 fatias de pão light ao dia. No almoço ou no jantar, pode incluir: 2 col. (sopa)
de arroz integral + 1 concha de feijão (ou lentilha ou grão-de-bico) ou 1 batata grande com 1 col. (sopa) de requeijão light (ou 1 Polenguinho light) ou 1 prato raso de macarrão com molho de tomate.
- O uso de adoçante deve ser suspenso na primeira quinzena. Após esse período, pode voltar a usá-lo, mas evite na medida do possível. Isso ajuda o organismo a se desabituar ao sabor doce e a buscar açúcar.
- Após 15 dias de dieta, você deve ingerir 1200 calorias ao dia, incluindo mais carboidratos ao longo das semanas, até atingir 55% desse grupo alimentar, 25% de proteínas e 20% de gorduras. Se estiver satisfeita, pode comer 1800 calorias ao dia.

café da manhã: 1 ovo (cozido ou mexido) ou frios (1 porção) + 1 porção de fruta + 1 col. (sopa) de queijo cottage (ou ricota) + 1 xíc. (chá) de café (ou substitutos)

lanche da manhã: 1 copo (250 ml) de suco ou 1 fruta tarde: 1 porção de frios (veja lista) + 1 col. (chá) de cottage ou 1 copo (200 ml) de iogurte desnatado ou 1 barrinha de cereal light

almoço: 1 porção de carne + salada de folhas verdes à vontade + 3 col. (sopa) de verduras ou legumes cozidos ou refogados + 1 porção de fruta ou 1 taça de gelatina

jantar: Igual ao almoço ou 1 prato de sopa de carne com folhas verdes e verduras


Opções para substituição de alimentos

opções de carne
(escolha uma porção)
1 filé médio (120 g) de peixe (cação, pescada)
2 hambúrgueres de peru, carne ou frango assados no forno ou grelhados
4 nuggets assados
2 fatias grossas de lagarto
3 almôndegas de carne, frango ou peru assadas no forno
2 salsichas de carne, frango ou de peru
1 posta de bacalhau
200 g de camarão
1 lata de atum conservado em água
1 coxa grande sem pele
1 filé de lombo de porco assado
1 lata de sardinha
4 fatias de rosbife
5 fatias de carpaccio
1 filé médio (120 g) de fígado de boi
1 medalhão de filé mignon
4 col. (sopa) de carne moída
2 col. (sopa) de dobradinha
1 filé médio (120 g) de frango

opções de saladas
(coma livremente)
alface-americana,
lisa e roxa
agrião
rúcula
almeirão
escarola
acelga
couve
espinafre
tomate
salsão
pepino
(tempere com 1 colher de chá de azeite ou limão à vontade e sal a gosto)

opções de verduras e legumes cozidos ou refogados
(escolha uma porção: 3 colheres de sopa)
catalonha
mostarda
escarola
brócolis
couve-flor
espinafre
acelga
couve
repolho
chuchu
abobrinha
vagem
berinjela

opções de frios
(escolha uma porção)
3 fatias de
presunto magro
3 fatias de
peito de peru
3 fatias de chester
3 fatias de
mortadela light
3 fatias de
blanquet de peru
5 fatias de salsichão

opções de frutas
(escolha uma porção)
1/2 papaia
1 banana pequena
1 maçã pequena
1 pêra
1 goiaba
1 manga pequena
10 uvas
4 damascos secos
1 kiwi
1 laranja
1 mexerica
1 fatia de abacaxi
2 fatias de melão
2 fatias de melancia
8 morangos

opções de bebidas
na café da manhã
(escolha uma porção:
1 copo de 250 ml)
suco de laranja
suco de abacaxi
suco de acerola
suco de melancia
suco de melão
suco de limão
suco de caju

no lanche
(escolha uma porção)
1 xíc. (chá) de chá
1 xíc. (chá) de café
1 copo (250 ml)
de suco de limão
1 copo (250 ml)
de suco de melão
1 copo (250 ml)
de suco de melancia

Texto coletado no site da revista Boa Forma

Final de ano é impossível!

Cara, final de ano não dá.

É aquele monte de festa com comilança: nozes, chocolate, empadão, estrogonofe, carne, e mais outros milhares de coisas que a gente passa o ano inteiro evitando, e que nessa época a família enfia-nos goela abaixo. O pior é que, agora que eu tô desempregada, não tenho nem desculpa pra fugir dessas festas.

O negócio é tentar compensar nos intervalos entre as festas. Hoje prometi para mim mesma que iria passar só nas frutas, saladinhas e iogurte (até agora estou conseguindo). Eu me prometi isso no dia 23 e chegou 22:00h não resisti e comi três pães com ovo e presunto.

O que que eu podia fazer? eu é que não vou dormir de barriga vazia tendo comida na cozinha.