2 de jul de 2005

Dieta dos Signos

A astrologia atribui a cada signo, a regência de partes do corpo. Isso quer dizer que arianos são mais inclinados a ter problemas na cabeça e nos olhos, taurinos na garganta, geminianos nos pulmões e braços e assim sucessivamente. Além disso, o zodíaco também está dividido em quatro elementos; água, terra, ar e fogo. Assim sendo, cada signo, dependendo do elemento ao qual está ligado e as zonas mais sensíveis de sua anatomia, têm necessidades diferenciadas em todos os sentidos, inclusive na alimentação.

Igualmente, os alimentos têm relação com os planetas e signos e um bom astrólogo, ao comparar o horóscopo de uma pessoa com o elenco de alimentos disponíveis, pode auxiliar na escolha de suplementos que possam compensar as carências de vitaminas e minerais desse nativo. Entenda-se que esse sistema não exclui nem substitui o trabalho da nutricionista nem do seu médico. Mas é uma interessante e antiqüíssima visão sobre a dieta mais adequada a cada signo.

Áries

O excesso de peso raramente será um problema para os arianos, entretanto é importante que conheçam os alimentos de que devem ser ingeridos com maior freqüência, para suprirem as carências do seu organismo: Áries rege a cabeça, incluindo a visão, audição e paladar. Na alimentação, ele preside a maioria dos condimentos – alho, cebola, gengibre, pimentão, pimenta, caril e mostarda, os arianos podem preferir comidas muito temperadas, para suprirem suas necessidades. Importante também que bebam muita água, já que o seu signo rege o Hidrogênio enquanto Libra, signo oposto e complementar, rege o Oxigênio. A vitamina A, além de beneficiar a pele, é importante para manter a boa visão dos arianos. Suas principais fontes são: leite, manteiga, vegetais de folhas verdes e frutas de polpa amarela.

Touro

Seu domínio anatômico é o pescoço e a garganta e por isso, devem evitam bebidas muito geladas ou muito quentes. Este signo rege o iodo e os taurinos podem necessitar de uma dose maior dessa substância. Vênus, seu planeta regente, poderá determinar uma carência de vitaminas A e E, de iodo e cobre. As fontes desses elementos essenciais são os damascos, maçãs, pepinos, ameixas, tomates e espinafre. Uvas, figos, pêssegos e trigo, também são substâncias ligadas a Touro. Você pode ingerir esses alimentos sob várias forma; sucos, saladas, cozidos, enfim como melhor lhe agradar. Mas, aqui vai uma recomendação importante: cuidado com os excessos. Taurinos podem engordar com muita facilidade. Olha a balança!

Gêmeos

Rege os braços, ombros, pulmões e o sistema nervoso em geral. Sua digestão é boa, mas as preocupações, a inquietação e a tensão, desequilibram seu sistema nervoso, dificultando a eliminação dos alimentos. Dores de cabeça, dificuldades respiratórias e deficiências na fala, em geral tem origem no estresse acumulado pelo geminiano. Você gasta uma quantidade espantosa de energia mental e isso precisa ser reposto. Você pertence à categoria dos “enjoados” para comer e depois de eleger algumas poucas coisas, tende a comê-las dia após dia sem variar as refeições. Tudo bem, se você incluir nesse elenco as proteínas, que fornecem calor e vitalidade. Você pode encontrá-las principalmente na carne, no peixe, nos ovos, queijos, castanhas, grãos integrais e nos legumes. Prepare-as de acordo com a sua preferência.

Câncer

Este signo rege principalmente o estômago, os seios e o pâncreas. E quando um canceriano se aborrece, o estômago é quem paga. É preciso controlar as emoções e NUNCA se alimentar quando estiver zangado. Os nativos desse signo gostam de boa comida e são, em geral, bons cozinheiros, o que muitas vezes lhes causam um excesso de peso. O repolho, os pepinos, a chicória, a alface, o agrião, os cogumelos, a abóbora, o aipim e sucos de abacaxi, cenoura, aipo e coco, estão especialmente indicados para esses nativos, É importante evitar os condimentos fortes, as temperaturas extremas (calor e frio) e as quantidades exageradas. Melhor seria fazer um número maior de pequenas refeições ao dia. Bebidas alcoólicas, nem pensar!

Leão

Na anatomia zodiacal, Leão rege o coração e a coluna vertebral superior. O Sol regente desse signo rege o coração, a circulação sanguínea e o baço. Leoninos têm grande facilidade em assimilar os nutrientes de tudo o que ingerem e, por isso mesmo, não necessitam de grandes quantidades de alimentos. Precisam reservar um tempo para descanso após as refeições. Deve evitar alimentos ricos em colesterol ruim, como ovos, manteiga, carnes gordas, o que poderá prevenir moléstias cardio-circulatórias precoces. Usando e abusando dos alimentos regidos por seu signo – frutas cítricas, canela, mel, arroz, louro, girassol, açafrão, tomates, uvas (secas e frescas), certamente vai assegurar sua boa saúde.

Virgem

Este signo rege os intestinos, o canal digestivo e a cavidade abdominal. Uma vez que esses nativos estão mais sujeitos do que os demais a perturbações intestinais, bem como a desnutrição, deveriam seguir um regime alimentar que incluísse todos os elementos essenciais. A carne o peixe e os ovos são ricos principalmente proteínas, enquanto os vegetais contém mais carboidratos. Todos possuem conteúdo vitamínico e mineral e os virginianos devem combiná-los da forma que melhor atender ao seu paladar. É importante comer em horas certas e quando estiver tranqüilo e nunca lançar mão de laxativos ou digestivos químicos. Melhor apelar para os chás de erva-doce, camomila, gengibre e hortelã-pimenta e consumir frutas como o mamão e a ameixa, ou ainda fibras, que são laxativos naturais.

Libra

Libra preside os rins, supra-renais e a coluna lombar. A destilação e a filtragem dos líquidos do corpo em geral. Librianos precisam beber muita água e sucos de frutas e limitar sua taxa de açúcar, já que estão sujeitos a freqüentes problemas renais. O trabalho eficiente dos rins é necessário para o equilíbrio geral do organismo e assim, a alimentação dos librianos deve ser rica em frutas, saladas, carne magra, evitando-se as massas e as comidas pesadas. Vênus, planeta de Libra, rege a hortelã, o trigo, os condimentos de cheiro agradável, as maçãs, as pêras, figos, damascos, uvas, amêndoas e groselhas. Além disso, rege o cobre e o oxigênio.

Escorpião

Esse signo rege os órgãos reprodutores, a bexiga, a próstata, os testículos e o reto (ânus). Os nativos desse signo devem praticar a moderação em todas as coisas, principalmente com suas emoções, para evitarem indigestões que, para eles, podem resultar em auto-intoxicação. Não é a toa o ditado e que o Escorpião pode envenenar-se com seu próprio ferrão. Muita fruta, vegetais e trigo integral devem fazer parte de sua dieta. Os laxativos químicos substituídos por naturais (ver recomendações para Virgem). O aipo, o quiabo, o manjericão, o estragão, a cenoura, o pepino, a cebola e a vagem são alimentos associados a esse signo.

Sagitário

Esse signo rege os quadris, coxas, o ciático e o fígado. O apetite desse nativo costuma ser assombroso, mas, com bastante exercícios, poderá evitar os problemas decorrentes da obesidade. Apesar de sua fama de “reis das churrascarias”, devem alternar essas orgias gastronômicas com alimentos como o aipo, a cenoura crua, rabanetes e sucos de legumes que, além de aplacarem a fome, são alimentos associados a esse signo. Bebidas alcoólicas são um capítulo à parte na vida dos sagitarianos, principalmente a cerveja. Cuidado com os excessos. O potássio e o silício que eles precisam podem ser encontrados no tomate, alface, berinjela, salsa, aspargo, espinafre e pepino.

Capricórnio

Rege os joelhos, as articulações, a pele, os cabelos e os dentes. Sua dieta é muito simples, mas trará grandes benefícios. Se tiverem o hábito de comer sempre as mesmas coisas, é importante variar a alimentação introduzindo maior variedade de legumes e algumas ervas que dão sabor e também fornecem as vitaminas e minerais necessários. Evitar bebidas geladas antes e durante as refeições. O aneto, o aipo, a erva-doce, a alface, a cevada, o broto de alfafa, o alecrim e o coentro são apenas algumas sugestões de alimentos associados a Capricórnio. Além disso, é importante a ingestão de produtos que concentrem grande quantidade de cálcio, como queijo, leite, araruta e couve.

Aquário

Rege os tornozelos e a circulação sanguínea em geral. Urano, planeta de Aquário preside também o sistema nervoso e a eletricidade do corpo. A maioria das doenças do aquariano são de origem psicossomática, já que ele não se preocupa com a própria saúde. É comum ficar tão absorvido em seus pensamentos, que se esquece de comer, ficando anêmico. Mesmo “comendo para viver” e não “vivendo para comer”, é importante fornecer ao corpo uma alimentação adequada, com muita proteína, mas pouca carne. Nervosos, devem abusar de chás de camomila, lúpulo ou tília. O gengibre e o poejo, a alfafa, o aspargo, araruta, o quiabo, o rabanete, a páprica, o orégano, a calêndula, são exemplos de alimentos aquarianos pela riqueza de vitaminas A, B, cálcio, magnésio e enxofre, carências principais desse nativo.

Peixes

Rege os pés, a circulação das extremidades, as glândulas lacrimais. Piscianos são pura emoção e para que a sua digestão seja boa, aproveitando todo o potencial dos alimentos, é importante que ele coma em pequenas porções e apenas quando puder estar sossegado. Intoxicam-se com facilidade e por isso, devem evitar alimentos muito pesados ou com temperos exóticos e mais ainda, as bebidas alcoólicas, salvo o vinho, de vez em quando. Frutos do mar (inclusive as ostras), preparados de forma simples, carnes magras, leite, banana, aveia, o melão, os vegetais de folhas verdes e o broto de feijão, são itens que devem estar presentes na alimentação desse delicado nativo.

Nenhum comentário: